6 características que contribuem para uma área de Comunicação Interna efetiva!

No quesito “Efetividade dos processos” da pesquisa da Ação Integrada e SocialBase “Tendências: Como será a Comunicação Interna nas empresas brasileiras em 2018? ” a maioria dos participantes considera seus processos efetivos ou muito efetivos. A verdade é que não existe fórmula para uma comunicação eficaz, mas algumas características podem torná-la melhor.

Uma boa comunicação…

 

Comunicação boa, escuta!

Comunicação boa, escuta!

Escuta os colaboradores: a interatividade entre os colaboradores e a comunicação interna deve ser uma via de mão dupla, ou seja, ambos falam e escutam. Permitir que os colaboradores também falem/opinem torna a informação mais atrativa além de possibilitar a discussão de ideias e alinhamentos. Outro ponto importante e muito positivo dessa interação mútua é mensurar se as mensagens transmitidas estão sendo de fato compreendidas corretamente.

 

 

Comunicação boa tem conteúdo relevante!

Comunicação boa tem conteúdo relevante!

Entrega conteúdos relevantes: você pode utilizar o melhor canal digital ou impresso, mas, se o conteúdo não agregar nada para o dia a dia do colaborador, será investimento de tempo e budget desperdiçados. Um canal é bom quando se torna indispensável para o colaborador, por exemplo: se você disponibiliza o banco de horas em um APP, o colaborador não deixará de conferir as publicações e novidades da ferramenta, porque lá ele sabe que conterá informações exclusivas.  Conteúdos mais “frios” como lazer e entretenimento são importantes, mas, esses podem ser vistos em outros locais, busque um diferencial para seus canais.

 

Comunicação boa é empática!

Comunicação boa é empática!

 

É empática: ter empatia não é concordar com a postura ou ponto de vista das outras pessoas, ser empático é entender o lado do outro e essa prática em CI é fundamental para definir a linguagem, o tom, o ritmo, e a velocidade do conteúdo. É papel do comunicador se colocar no lugar do colaborador para entender como a mensagem original será recebida e entendida.

 

 

Comunicação boa tem tecnologia!

Comunicação conta com tecnologia!

Conta com tecnologia: quando a CI possibilita a implantação de canais ou ferramentas digitais, deixa as informações muito mais acessíveis e efetivas. Adaptar significa “ajustar”, ou seja, você implantar canais digitais não significa que necessariamente terá que extinguir os canais tradicionais como quadro de avisos, revista e e-mail. Mesmo os canais digitais em muitos casos suprindo e superando os tradicionais, você pode trabalhar em paralelo com os dois modelos em sua empresa, um… continuar lendo.

 

 

Comunicação boa enfrenta a crise!

Comunicação boa enfrenta a crise!

Está sempre pronta para enfrentar a crise: o mundo dos negócios funciona como uma montanha russa, com seus altos e baixos, por isso, uma boa área de comunicação interna tem que estar sempre pronta para o que vier e principalmente para evitar os temidos “ruídos” na comunicação e melhorar o clima organizacional, reforçando a cultura da empresa e a valorização do colaborador.

 

 

 

Comunicação boa tem liderança participativa!

Comunicação boa tem liderança participativa!

Tem a liderança como sua parceira: quando questionados na pesquisa que mencionamos no início da matéria sobre as iniciativas mais eficazes para comunicar com os funcionários da empresa, a resposta foi unânime: Gestor Imediato! O impacto de uma notícia dada pelo gestor é muito maior quando comparada a uma dada por um colega de equipe, por exemplo. Aí está o peso de um gestor para a CI, sua postura e seu discurso fazem total diferença, eles também devem ser responsáveis pelo acompanhamento da comunicação, cascateando e reforçando informações para que se mantenha o alinhamento interno estratégico.

 

 

E aí, sua Comunicação Interna é efetiva?

Conheça aqui as 7 características de uma equipe de sucesso

 

Conteúdo Relacionado

Mantenha contato
11 2382-9631 Rua João Gonçalves, 484 Centro Guarulhos / SP
Idiomas