Seja na vida pessoal ou profissional, é necessário estabelecer metas e objetivos!

Não fique na zona de conforto, você pode mais!

Optar por não definir metas é um risco muito alto de cair na zona de conforto, por exemplo, se uma empresa não define metas de venda anual, qualquer que seja o resultado que ela obtiver no final do ano, estará bom, sendo que poderia conquistar muito mais se tivesse feito um planejamento.

Como estabelecer metas

Para alcançar o que se deseja é preciso confiar em si mesmo e muita, muita dedicação. Na hora de mapear quais serão seus desafios a serem cumpridos é importante lembrar que propósitos inatingíveis servem apenas para desmotivar e causar frustração, defina-os de acordo com sua realidade, disponibilidade e capacidade.

No começo estipule metas simples e depois vá aumentando o nível de dificuldade conforme os primeiros objetivos forem alcançados. Por exemplo, se esse ano o seu foco está em crescer profissionalmente, o primeiro passo é você se dedicar para conquistar uma promoção na empresa dentro de um determinado prazo.

Não esqueça que propósitos pessoais e profissionais devem andar lado a lado, isso porque muitas vezes para se ter sucesso um “precisa do outro”, por exemplo, para conquistar a casa própria, um automóvel ou uma viagem é preciso estar bem profissionalmente, com emprego estável, almejando aumento de salário e promoções. E, estar bem pessoalmente – não deveria –  mas, influencia muito no dia a dia no trabalho e consequentemente no cumprimento das metas profissionais. Equilibre sua vida profissional/pessoal e tenha sucesso!

Os principais erros na hora de estipular metas

É muito comum no final do ano, naquele momento que paramos para fazer uma retrospectiva, percebermos que alguns ou muitos itens da nossa listinha de metas não foram cumpridos, e aí bate aquela decepção não é mesmo?! Evite passar por isso no final de 2018, pegue um caderno e anote o que você deve se atentar na hora de fechar suas metas.

Ter medo de falhar

É importante ter conhecimento de que falhar é um risco quando você está em busca de alguma meta. Por isso, não encare a falha como um fracasso, mas como uma razão para dedicar-se mais ao seu objetivo, como pensar em outras maneiras de alcançá-lo.

Traçar apenas um plano para alcançar as metas

Pensar em diferentes formas de alcançar as metas que você tem definidas, aumentam as chances de alcança-las. É comum nos apegarmos ao plano inicial, mas pensar fora da caixa quando se trata-se de metas é fundamental, por isso tenha sempre um plano B ou C.

Acreditar que o objetivo da meta é apenas atingi-la

O propósito da sua meta deve ser maior que simplesmente alcança-la, como o conhecimento adquirido durante o seu desenvolvimento ou o impacto positivo que a meta terá na sua vida e na das pessoas ao redor. Numa meta profissional é a mesma coisa, quando o propósito da meta é maior que atingi-la, a equipe continua a conquistar bons resultados mesmo após atingi-la. E aí, anotou?! Agora é só arregaçar as mangas e fazer de 2018 um ano incrível!

Organize melhor também o seu tempo. Temos outras matérias que podem te ajudar:

Inteligência emocional no ambiente de trabalho

Nós não temos todo tempo do mundo

 

Conteúdo Relacionado