Como sua empresa se comporta nas Redes Sociais?

Você sabia que as Redes Sociais têm muito a dizer sobre sua empresa? Elas são o reflexo do modelo de liderança e da cultura organizacional.

Por exemplo, uma empresa formal, com uma comunicação falha e um líder que não é muito próximo da equipe, tem grandes chances de não interagir com seu público-alvo nos canais de comunicação. Provavelmente, a Fanpage desse perfil não é alimentada com frequência e consequentemente a mensagem transmitida é de uma empresa com difícil acesso.

 

Existe um número grande de pessoas que enxergam as redes como extensão da comunicação corporativa.  No ano passado, Marck Zuckerbeg, divulgou a rede Workplace, trata-se de uma Rede Social voltada para o mundo corporativo. A proposta do Workplace é ter uma ferramenta especifica para discutir assuntos corporativos, fazer brainstorms e até acompanhar apresentações e reuniões.

 

Mas parece que isso não é o suficiente, uma pesquisa realizada pelo Altimeter Group constatou que a maioria dos colaboradores não usam de fato as Redes Sociais corporativas. Na maioria das vezes, isso ocorre por uma sequência: se o líder não utiliza as redes sociais, seus liderados também não utilizaram.

Em um artigo para a Harvard Business Review, Charlene Li, fundadora e CEO do Altimeter Group, ressaltou a importância da participação da liderança no que tange a integrar com sucesso das redes sociais corporativas em uma organização. “Os líderes sabem que devem interagir com os funcionários, especialmente utilizando canais digitais e sociais”, contou. “Mas eles não fazem isso, e dão uma série de desculpas comuns, tais como ‘eu não tenho tempo suficiente’ ou ‘Ninguém se importa com o que eu comi no almoço’. Acima de tudo, eles temem que a interação diminuirá a distância de poder entre eles e seus funcionários, diminuindo assim a sua capacidade de comando e controle”, finaliza.

 

Apenas “postar” não é o suficiente

Outro ponto importante é educar os líderes para o uso correto dessas redes e não fugir da linguagem da marca. Antes demais nada, crie um manual de identidade e compartilhe com todos os gestores.

Falando em Redes Sociais, o Linkedin/Brasil, registrou no ano passado 25 milhões de perfis, muita gente conectada não é mesmo? E você concorda que as Redes Sociais é a cara de uma empresa?