As diferenças entre comunicação interna e endomarketing

Apesar de serem semelhantes, os termos possuem algumas diferenças.

Palestras motivacionais, café da manhã, brindes em datas comemorativas, feedbacks, eventos ou ações de incentivos, fazem parte de qual setor da empresa? Comunicação interna? Endomarketing? Ou as duas áreas são a mesma coisa? As vezes, essas ações são confundidas no mercado corporativo, mas, saiba que endomarketing e comunicação interna são coisas diferentes, e que é muito comum confundir, vamos ver por que?

O mestre em estratégia de marketing Antônio Malva, explicou que a semelhança entre as duas áreas é que ambas são feitas para o mesmo público, o interno. “A diferença é que a comunicação interna envolve processos de informação, enquanto o endomarketing trabalha o incentivo e a interação entre colaboradores e empresas” apontou Malva. Além disso, os objetivos e práticas são distintas.

 

Endomarketing

Com certeza, você deve conhecer as expressões, “Para vender é preciso acreditar no produto” ou “Eu visto a camisa da empresa”, essa é a ideia central do endomarketing, motivar a equipe de funcionários, de modo que eles se sintam parte integrante da empresa, criando métodos motivacionais ou ações envolvendo familiares, treinamentos, valorizações e atividades do gênero. Com isso, além de trazer um ambiente mais harmonioso, as práticas geram retornos mais rentáveis para a organização. “O endomarketing nada mais é, que a aplicação do marketing para o público interno” explicou a gestora de RH, especialista em administração de marketing e comunicação empresarial, Marianna Barcelos.

Mais que isso, o endormarketing é uma das maneiras mais eficientes de reduzir o turnover – rotatividade de funcionários, essa é a opinião de Antônio Malva.

Um bom exemplo de implantação de endomarketing é a montadora Fiat. A empresa oferece festas de bodas de aniversário de casamento e de debutantes para as filhas de funcionários, como forma de incentivo.

 

Comunicação interna

Já a comunicação interna informa aos colaboradores as ações da empresa, como ela funciona, sua missão, visão e valores, lembretes etc. Além de, é claro, integrar equipes e indivíduos produzindo fluxo colaborativo dentro da organização.

Os meios como Mural Digital e TV corporativa são muito usados nessa iniciativa. “A comunicação interna é uma ferramenta de comunicação que, ao contrário do endomarketing somente transmite informações das instituições como novas ações, estratégias, objetivos e metas de trabalho” explicou Malva.

O ideal é que comunicação interna e endomarketing se complementem, para assim obter resultados ainda melhores para ambos os métodos, mas antes, é muito importante entender quais os objetivos da empresa e se os mesmos são de curto ou longo prazo. Esses questionamentos são essenciais para que o planejamento das áreas envolvidas seja mais assertivo.