Saiba mais sobre o Home Office

Apesar de ser uma prática já considerada antiga, o home office ainda é motivo de muitas dúvidas para diversas empresas, além disso, uma decisão como essa não pode ser tomada por todos, afinal, alguns segmentos não permitem que o colaborador deixe de estar presencialmente, mas, muitos profissionais podem utilizar essa modalidade de trabalho, que pode ser benéfica, principalmente em momentos que exigem o trabalho remoto.

Para que o home office, tenha sucesso, é muito importante levar algumas considerações antes de adotar a prática, como por exemplo: manter os times alinhados, por isso, ter um canal de comunicação que seja eficiente e alcance todos os colaboradores, é fundamental e checar se todos possuem os requisitos necessários para manter a rotina de trabalho fora do escritório. Preocupados com o desempenho dos funcionários, algumas empresas, como a Revelo (empresa de recrutamento e seleção), fazem reuniões matinais online para organização das atividades de todos.

Ter um canal de comunicação com os colaboradores, como uma plataforma mobile, por exemplo, é a melhor forma de continuar alcançando os colaboradores à distância e manter o engajamento da CI.

A vantagem de adotar essa medida, não é apenas do funcionário que economiza tempo e aumenta a qualidade de vida, mas também da empresa que poupa custos como o vale transporte, energia e outros. Confira algumas vantagens e desvantagens que o trabalho remoto pode trazer:

 

Para o colaborador:

  • Economia;
  • Conforto;
  • Flexibilidade de horário.

 

  • Mais distrações;
  • Falta de contato com os outros profissionais;
  • Controle do desempenho diário.

 

 

Para a empresa:

  • Redução de desperdícios;
  • Maior produtividade:
  • Economia:

 

  • Segurança da informação;
  • Dificuldade de manter o espírito de equipe;
  • Alguns colaboradores podem não estar aptos.

Com mudanças rápidas e necessárias, pode ser que as empresas não tenham tempo para uma adaptação completa ao home office. Separamos algumas dicas que valem a pena na hora de se organizar, assim, não prejudicamos a rotina de trabalho da empresa. Veja:

  • Estude e mapeie possíveis dificuldades, como a disponibilidade de internet e local apropriado para a execução do trabalho;
  • Incentive o uso de videochamadas, vendo as reações das pessoas podemos evitar geração de ruídos na comunicação, confusão na troca de mensagens e desentendimentos;
  • Mantenha uma agenda de entregas bem organizada, para que assim, nenhum colaborador se perca com as distrações que podem ocorrer durante o dia;
  • Os líderes tem um papel importante nesse momento, principalmente de orientar que todos mantenham uma rotina normal e que não deixem de fazer tarefas simples, como tirar o pijama. Essa atitude pode evitar a “sensação de férias”;
  • Garanta a comunicação entre empresa e colaborador e estimule que eles se comuniquem, para que as relações de trabalho permaneçam;
  • Paciência é palavra-chave para o home office, entenda que existe um tempo de adaptação diferente para cada funcionário;
  • Estabeleça regras de horários entre os colaboradores, estar em casa pode confundir, levando a almoços e/ou jornadas de trabalho mais longas.
  • Escolha um local de trabalho adequado, organize todos os materiais necessários para trabalhar apropriadamente.

Com alguns cuidados e técnicas, fica muito mais fácil encarar uma rotina de home office, pois, lembre-se, ela exige mais comprometimento e motivação do colaborador.