Cuidados com a humanização nas empresas

Enxergar os colaboradores como principais aliados nas conquistas de uma organização, não só é uma tendência no mundo corporativo, é uma estratégia que tem se mostrado muito eficiente em questão de números. Um colaborador feliz, é capaz de produzir até 12% a mais e isso é apenas um dos inúmeros motivos que sua empresa precisa para começar a investir em humanização.

Muitas empresas notaram que essa mudança também reflete no mercado como um todo, sendo percebida pelas pessoas de “fora” da organização, como clientes e fornecedores. Uma empresa que ganha o título de um local humanizado, agrega valor e aumenta sua reputação, atraindo mais talentos e parceiros com o mesmo objetivo, tornando essa cadeia cada vez mais forte.

Ao falarmos em humanização, entende-se que é necessário incluir diversas atividades e mimos para os funcionários, quando na verdade, atitudes simples, como reuniões para feedbacks, happy hours, momentos de descompressão e o employee voice fazem a diferença nas relações internas, que consequentemente contribuirão positivamente para um clima de menos estresse, com mais sinergia e alta performance, mas fique atento, é preciso ter cuidado para que essas mudanças no ambiente não acabem gerando um resultado contrário, como a improdutividade.

 

Veja 3 dicas importantes para humanizar sem perder o foco no seu negócio:

 

  • Trabalhar em um ambiente descontraído, liberal e humanizado, nem sempre funciona para todos os perfis de profissionais, infelizmente, alguns podem ter um desempenho negativo. Ter uma liderança madura, que conheça os funcionários e o nível de comprometimento de cada um é de extrema importância. Para evitar esse tipo de transtorno, reuniões periódicas podem ser o ideal para conduzir e lembrar ao time o objetivo principal: o sucesso da organização.

 

  • As vantagens do home office são inúmeras, mas essa prática pode levar o colaborador a misturar a vida profissional e pessoal, gerando grandes transtornos e prejudicando a saúde mental. Ter uma política para o home office e incentivar que todos mantenham o equilíbrio é fundamental para que o desempenho diário não caia, por isso fique atento aos hábitos de extensão excessiva do horário, essas coisas podem acontecer, e é normal, mas é preciso estabelecer um limite.

 

  • Apesar da flexibilidade de horário ser um benefício que muitos profissionais procuram, as empresas interessadas nesse tipo de mudança precisam refletir mais sobre o impacto disso no dia a dia, será que pode gerar dificuldade na comunicação dos times e no desenvolvimento de projetos, falta de gerenciamento do tempo? Os pontos negativos podem ser muitos, por isso, antes de implantar essas mudanças, entenda se esse modelo de trabalho funciona para o seu tipo de negócio.

 

Uma empresa humanizada tem um grande diferencial competitivo no mercado e traz muitos benefícios se bem implantada. Um colaborador quando se depara com um local que valoriza e pensa em seu bem estar tende a ter uma relação de muito mais comprometimento com a organização onde trabalha e é esse valor que tornará a sua empresa, um sucesso.